Carregando...
 

O Java é o Cobol de hoje

Ando programando em Python. Aliás vinha namorando Ruby e Python há um tempo e em várias discussões com meu amigo Rogério Luz, e com a influência dele optei por Python.
Troquei tudo por Python: dos scripts simples em bash até os programas mais complexos, normalmente em Perl ou Java.

O resultado é fantástico. Limpo, rápido de programar, rápido de executar, fácil de manter.

Bom, mas o título do post é outro... O Java é o Cobol de hoje, e também o Cobol do futuro.
Todo mundo usa, mas os motivos que tornaram o Java o que é hoje não são mais discutidos, lembrados ou melhorados para o futuro.
Não é produtivo, não é prático e em pequena escala não é performático.
Mas está tão presente no mundo corporativo que não vejo fim para o Java.

Espero que, com as tecnologias maduras e mais produtivas, um dia no mundo corporativo o Java vire legado, como é o Cobol hoje.

Quem me conhece deve estar perguntando porque estou dando importância para o mundo corporativo e sua produtividade. Infelizmente é daí que a maior parte dos analistas, programadores e arquitetos de TI tiram seu sustento, e acho que devemos perder menos tempo com a linguagem e além disto nos divertir um pouco... ;)

[]s!