Carregando...
 

Eu odeio a classe operária!

Depois de assistir uma apresentação da Marilena Chauí no Youtube, onde ela afirma que "Odeia a classe média", fiquei inspirado a dizer algo sobre a verdadeira involução social que o Brasil vive.

Eu odeio a classe operária!

A classe operária é o atraso definitivo, estúpido, que perpetuará a dependência de governos fascistas.
A classe operária é ignorante, preguiçosa, dependente e incapaz de agir por conta própria.
A classe operária inova uma nova ordem natural, absurda, involutiva, usando o pouco de inteligência em prol de vantagens próprias, menosprezando até seus próprios filhos.
A classe operária pactua e sustenta o facismo.
A classe operária, com toda a sua estupidez, vai contra a natureza do homem livre e criativo.
A classe operária é terrorista, e acredita que tem direitos divinos de conquistar sem esforço algum o que outros conquistam com sua inteligência, criatividade e esforço.
Eu me recuso a admitir que este é o futuro. Governos fascistas fortes e com controle total da sociedade, dominado por grupos de interesses e sustentada por trabalhadores, a classe operária, que acredita ter conquistado algo e que, na verdade, conquistou a sua escravidão perpétua.
Isto é uma abominação ética, violenta, contra todos os princípios naturais que fizeram da raça humana o que ela é, ou deveria ser.
fim